"A leitura faz ao homem completo; a conversa, ágil, e o escrever, preciso."
(Francis Bacon)
Concordo plenamente, por isso resolvi compartilhar aqui minhas leituras e algumas escritas baseadas naquilo que costumamente leio.
Sinta-se à vontade!

3 de mai de 2011

A tentação de Jesus.

Jesus acabara de ser batizado e foi, movido pelo Espírito, ao deserto da Judeia para jejuar. O interessante a se notar é que Jesus foi jejuar movido pelo Espírito, notem bem: Movido pelo Espírito Santo ( Mateus 4.1-11)

Após jejuar 40 dias surge, então, uma necessidade natural do ser humano: a fome. E o diabo encontra ali a oportunidade perfeita para tentar Jesus.

Sim, o inimigo nos tenta quando estamos diante de uma necessidade real e natural como a fome, a solidão, a necessidade de segurança (inerente ao ser humano), o desejo sexual, etc. Ele nos tenta a satisfazer tais necessidades que nos são naturais e, portanto, lícitas, mas da forma errada, por meios errados, tal como fez com Jesus.

A primeira tentação que o diabo fez a Jesus dizia respeito à fome: "E, chegando-se a ele o tentador, disse: Se tu és o Filho de Deus, manda que estas pedras se tornem em pães." Mt 4:3. Naquele momento tenta Jesus a satisfazer sua necessidade natural e normal pelos meios errados, pois isso implicaria usar o poder de Deus para satisfação própria, demonstrando soberba. Mas Jesus enfrenta Satanás com a Palavra de Deus "Ele, porém, respondendo, disse: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus." Mt 4:4. Esse é um grande exemplo para nós, se quisermos escapar ilesos das ciladas do inimigo é necessário o estudo e o conhecimento profundo da Bíblia.

Novamente o inimigo tenta o Senhor Jesus, levando-lhe ao pináculo do templo, cita as Escrituras isoladamente: "E disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar-te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces em alguma pedra." Mt 4:6 (Sl 91.11).  Satanás distorce a Palavra de Deus, usa um versículo isolado para tentar provar algo. Muitos hoje fazem o mesmo que Satanás, provam doutrinas e ideias absurdas usando as Escrituras isoladamente, fora do contexto histórico e cultural, gerando com isso muitos tropeços. Mas a Bíblia nos adverte: "Mas, qualquer que escandalizar um destes pequeninos, que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma mó de azenha, e se submergisse na profundeza do mar. Mateus 18:6 ". O inimigo, nesse momento, tenta Jesus em algo que é inerente ao ser humano, o desejo por segurança, procura inculcar em Jesus a desconfiança nos cuidados do Pai. Seria puro exibicionismo se lançar do pináculo do templo, pois existia uma maneira de descer dali (as escadas), uma maneira natural de escapar do perigo. Mas Jesus novamente demonstra sabedoria ao rebater com a interpretação correta as Sagradas Escrituras: ("Disse-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus. Mt 4:7"). 

Não se dando por vencido o Diabo tenta o Senhor Jesus novamente: "Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles. E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares. Mt 4:8 e 9" A sedução daquele momento era trocar o Reino Espiritual do Pai por um governo político e mundano. Também estava baseado em mentiras. Quantos homens se deixaram seduzir por essa artimanha do maligno, trocando as coisas espirituais, que são eternas, por coisas mundanas e passageiras, seduzidos pelo status, dinheiro, fama e posição social.

Jesus não saiu do foco, não se deixou seduzir. Ele estava, naquele momento, enfraquecido fisicamente pela fome, mas seu espírito estava fortalecido pela comunhão com o Pai, pelo conhecimento profundo das Escrituras, e venceu as tentações, deixando para nós um grande exemplo.

Então disse-lhe Jesus: "Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás. Mt 4:10"

Os anjos chegarm e o adoraram, Jesus havia passado pelo teste, o plano de Deus estava prosseguindo.

Que a vida de Jesus nos sirva de lição constantemente. Oremos ao Pai para que nos dê sabedoria e discernimento para percebermos as sutiliezas do Inimigo, para não cairmos em tentação.

A chave para a vitória é a oração, jejum e o estudo da Palavra de Deus.

Deus os abençoe!

2 comentários:

Anônimo disse...

Há no meio "gospel" uma enxurrada de musicas que diz afirma que o "crente" vai pinsar na cabeça do diabo (ou coisa similar). Mais olhando para a Bíblia e encontramos em que isso vai acontecer no futuro (Ap 20.1-10) enquanto isso a nossa possição aqui na terra é de ressitencia ao inimigo (2 Co 10.4-5) e não de ofensa. Como fez Jesus resistiu a tentançao usando armas de defesa (a Bíblia).

Gostei muito do texto.

Quenia disse...

Obrigado pela visita e comentário, volte sempre!

Postar um comentário

Deixe registrado o seu comentário, a sua opinião, é importante para o crescimento desse trabalho.

"O que ama a correção ama o conhecimento;"Pv 12:1a

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...